Colaboradores desmotivados? 3 dicas para reverter isto agora!
Como dar direção à equipe se eu não sei qual é o caminho?

Metas e resultados? Não gere expectativa. Faça alinhamento!

Entre os atendimentos que faço, uma conversa me chamou atenção. Um líder comentou estar estressado pois nos últimos meses as metas não tinham sido alcançadas e por mais que ele tenha falado alguns colaboradores continuaram fazendo tarefas que não agregam valor. Disse não compreender se era apego ou falta de foco, mas a situação estava deixando o setor desfavorável perante as demais áreas da empresa e nas reuniões de prestação das metas junto dos seus pares e diretor a situação ficou complicada.

Recentemente uma pesquisa da BTS Consulting Group, com 400 clientes globais, mostrou que 73% dos problemas de liderança poderiam ser evitados com feedback honesto e assertivo junto de um alinhamento correto de expectativas.

Pensando nesta pesquisa questionei este líder sobre a maneira como passava as tarefas metas e objetivos. A resposta não foi nada diferente do que eu havia deduzido: ele tem feito reuniões rápidas, apenas falando do conteúdo junto de várias outras coisas e depois apenas “passa” para dar uma olhada. Claro que a situação não iria ser das melhores. Foi então que continuando nossa conversa ele percebeu que a maneira como tem conduzido não é a mais adequada . Falar rapidinho no meio de outros temas não dá espaço para perguntas e dúvidas e sua “passada” para ver as coisas no meio da correria sempre fica perto da conclusão das tarefas.

LEIA TAMBÉM: REUNIÕES IMPRODUTIVAS? NÃO MESMO! OS 4 PASSOS PARA VIRAR O JOGO!

Vou facilitar sua vida com as metas dos colaboradores!

PRIMEIRO PASSO: Deixe claro as atribuições e o que você espera dos colaboradores. Defina com clareza o papel de cada profissional, cuidado para não ficar somente na lista de atividades (o que as pessoas fazem), e sim deixe claro os resultados (o que elas produzem). Exemplo: o objetivo de realizar processo de seleção não é fazer entrevistas e aplicar dinâmica de grupo, isto são tarefas para se chegar ao resultado. que é a pessoa certa no lugar certo.

Dica de ouro: Verifique a compreensão de todos, pedindo periodicamente aos colaboradores que digam a você o que acham que você espera deles e o que eles pensam o que significa sucesso na função deles.

SEGUNDO PASSO: Dentro do que cada profissional produz inclua medidas de performance, tenha parâmetros, estabeleça um acordo sobre os padrões de performance e deixe claro as metas. de forma concreta e com total clareza as suas expectativas.

Quantidade -> quantos?
Qualidade -> com que padrão?
Tempo -> quando?
Custo benefício -> quanto?

No exemplo anterior comentamos sobre metas de recrutamento e seleção. Continuando com ele, poderia ser definido tempo mínimo para fechamento de vaga, efetividade do processo seleções versus aqueles passados no período de experiencia.

TERCEIRO PASSO: Metas geram realizações, não só cumprimento de tarefas! Metas dão direção, estimulam os incríveis poderes do cérebro, o ajudam a ser mais focado e rápido. gerando satisfação pois as expectativas podem ser avaliadas.

QUARTO PASSO: Acompanhe cada colaborador, fazendo disto um fluxo constante. Agende reuniões, faça visitas no local de trabalho, pergunte, observe, monitore. Peça relatórios, mostra de indicadores, olhe o que já foi feito e como está sendo encaminhado a sequência de atividades. Se perceber gargalos, pontos críticos, avalie o que pode ser feito. Olhe para os problemas e veja quais são as soluções que estão sendo implantadas. Sente-se regularmente com cada colaborador para falar sobre suas expectativas e compartilhe suas ideais sobre como seria o desempenho excelente nessa função.

Não confie exclusivamente em sessões particulares com colaboradores individuais para estabelecer o desempenho e medir. Realize reuniões regulares e curtas com sua equipe para avaliar os objetivos do departamento, os esforços do time e os projetos futuros. Se sua empresa tiver um sistema formal de avaliação de desempenho, use-o.

Em resumo, o colaborador/equipe precisa saber:
1- O que você espera dele?
2- Como eles está saindo?
3- Como pode melhorar?

O líder com quem conversei já está revertendo a situação! Você pode mudar o quadro inicial e estar no melhor dos mundos ao aplicar estes 4 PASSOS que requerem apenas um pouco do seu tempo e planejamento. Ao final você terá colaboradores que agregam valor e sentirá orgulho da equipe nas reuniões de prestação de metas junto dos seus pares e diretoria.

Importante: celebre cada conquista pois você e a equipe merecem compartilhar e comemorar os resultados!

Um abraço!